O feito, além de colocar a capital paraibana em lugar de destaque, vai garantir a quase um milhão de habitantes o alcance a conteúdos de qualidade, produzidos e exibidos de forma exclusiva. A estreia da TV Cidade João Pessoa no canal 50 está prevista para março de 2023.

“São 15 anos de televisão e de uma luta intensa, inclusive nesses dois últimos anos. Foram viagens, reuniões no Ministério das Comunicações e Anatel para, finalmente, conseguirmos a outorga, passo importante para nós da TV Cidade e para a nossa capital”, pontua a diretora executiva da TV Cidade João Pessoa, Juliane Ramalho.

Para se manter 24 horas no ar, além de quase 40 programas autorais dos segmentos de educação, cultura e transparência, o canal 50 irá apresentar conteúdo das já consagradas TV Sesc e Futura, curadoria que será feita por uma equipe atenta com o objetivo de exibir para o telespectador local o que de melhor é feito em outros estados brasileiros. O foco é no teor educativo, instrutivo e pedagógico, visto que a TV Cidade assim como as parceiras acredita que a aliança entre educação e comunicação transforma as pessoas e, consequentemente, a sociedade.

O coordenador de programação de conteúdo, Javier Figueredo, falou sobre a logística do que será exibido. “Das TVs parceiras selecionaremos os materiais mais relevantes e que mais se assemelhem a nossa proposta. O objetivo é ter uma programação dinâmica, eclética e vasta capaz de atrair e fidelizar o maior número de telespectadores possível”.

Há dois anos no comando da TV Cidade João Pessoa, Juliane Ramalho acredita que a estreia em canal aberto marca uma nova fase, talvez a mais importante da história da emissora, hoje ligada à Secretaria de Educação de João Pessoa. Mas não é só, o planejamento futuro envolve também a criação de uma fundação, que entre os muitos benefícios viabilizará a oferta de serviços para toda a sociedade.

“É um grande projeto. A TV é praticamente a ponta do iceberg. Queremos reunir serviços e produtos como a nossa escola e o museu de audiovisual, além do arquivo digital de João Pessoa. São passos que serão dados e que têm na estreia do canal aberto o pontapé inicial”. A entrevistada aproveitou a oportunidade para agradecer à gestão pela confiança e o apoio. “Ao secretário de Gestão Governamental, Diego Tavares, e a nossa secretária de Educação, América Castro, pela atenção de sempre. Não posso deixar de citar a nossa parceria com a Comunicação através do secretário Marcos Vinícius, e do secretário-executivo Janildo Silva que trabalham lado a lado com a TV Cidade. Ao vice-prefeito, Léo Bezerra e ao prefeito, Cícero Lucena por acreditar e investir nesse projeto que tanto tem a acrescentar para João Pessoa”.

Assessoria
Espalhe:

Qual seu ponto de vista acerca do tema. Poste um comentário: